Este post também está disponível em: pt-brPortuguês

Foram 4 dias reunidos as margens do Rio Xingu, onde mais de 450 lideranças indígenas participaram do Encontro dos Povos Mebengokrê, de 14 e 17 de janeiro, na aldeia Piaraçu, no Mato Grosso. O papel das mulheres na luta e na liderança, a força da juventude, saúde, educação, demarcação de terras e o fim da exploração da madeira e da agricultura em territórios indígenas são destaques do manifesto escrito e divulgado ao fim do encontro na última sexta-feira.

Confira a íntegra do “Manifesto do Piaraçu das lideranças indígenas e caciques do Brasil, onde os povos reafirmam a resistência de mais de 520 anos dos povos originários desse país e denunciam a política etnocida, genocida e ecocida do governo Bolsonaro.